5 PROFISSÕES que DÃO DINHEIRO SEM FACULDADE!

Desde sempre, foi nos dito que para se dar bem na vida, precisamos estudar, fazer uma faculdade, arrumar um emprego e ficar nele até o final de nossa carreira.

Mas isso está longe de ser verdade!

Na maioria das vezes, o que vai nos deixar rico é algo que não é ensinado na escola, e nem é aprofundado na faculdade, e mesmo assim, pode nos render um baita dinheiro.

Nesse vídeo, vamos mostrar pra você quais são as 5 profissões mais bem pagas que não necessitam de faculdade!

Algumas dessas profissões você pode até ter desvalorizado, mas quando você ver o dinheiro que rende, vai se impressionar e chamar quem faz de inteligente!

VEJA TAMBÉM:

COMO FICAR RICO com as 5 LEIS DO DINHEIRO! https://www.youtube.com/watch?v=kxBsG…

Veja a Transcrição do Vídeo

Desde sempre, foi nos dito que para se dar bem na vida, precisamos estudar, fazer uma faculdade, arrumar um emprego e ficar nele até o final de nossa carreira.

Mas isso está longe de ser verdade!

Na maioria das vezes, o que vai nos deixar rico é algo que não é ensinado na escola, e nem é aprofundado na faculdade, e mesmo assim, pode nos render um baita dinheiro.

Nesse vídeo, vamos mostrar pra você quais são as 5 profissões mais bem pagas que não necessitam de faculdade!

Algumas dessas profissões você pode até ter desvalorizado, mas quando você ver o dinheiro que rende, vai se impressionar e chamar quem faz de inteligente!

Mas antes, já deixe seu like para nos apoiar a produzir mais vídeos como este e se inscreva para não ficar de fora de nenhum deles!

As profissões que vamos citar, rendem em média 4 mil reais, ou até mais.

E apesar de existir uma média de salário mensal, no geral elas rendem de acordo com a produtividade.

E mesmo sendo mais comum ser contratado para trabalhar, pode valer mais a pena trabalhar como freelancer em alguma dessas áreas.

Então chega de enrolação e bora pro top 5!

5- Patrão de pesca na navegação interior

O nome pode não ser adequado, mas esses profissionais têm uma quantidade grande de tarefas e responsabilidades, como navegar, atracar e desatracar embarcações, gerir a tripulação, operar os equipamentos, monitorar carga e descarga da embarcação e controlar embarque e desembarque de passageiros.

Trabalho é o que não falta nessa profissão!

Possuindo vagas normalmente em São Paulo, e recebendo em média R$3.426 a jornada de trabalho é de 43 horas semanais, e é o cargo que tem uma das maiores médias de idade dos empregados, que é de 53 anos.

“Além disso, é esperado que esse profissional registre os dados da embarcação, supervisione manutenção, administre recursos materiais e financeiros, administre e execute os serviços de sinalização náutica”, afirma o executivo de Recursos Humanos e coach C-Level Marcos Tonin.

4- Construtor Civil

A pesquisa mostra que essa profissão é uma das que mais têm pessoas empregadas, mais de 92 mil. O salário fica, em média, em R$3.482, para uma jornada de 44 horas semanais.

O construtor civil executa a construção de prédios, casas ou quaisquer outras estruturas — e é diferente do engenheiro civil, este sim é responsável por assinar o projeto depois de se formar na faculdade.

Já para o construtor, não é necessária uma formação em nível superior, mas é recomendado que os trabalhadores tenham noções de interpretação de plantas e esquemas de engenharia, também é interessante o conhecimento em operação de máquinas.

3- Mecânico de voo

O salário de um Mecânico de Voo, segundo a pesquisa, fica na média de R$3.643.

É ele que realiza a manutenção preventiva e corretiva de motores e partes mecânicas de aeronaves, além de reparar ou substituir peças para que funcionem conforme as normas de segurança.

“Além dos conhecimentos técnicos de mecânica de aeronaves, esse profissional deve ter conhecimentos de inglês, pois muitos dos manuais e procedimentos são escritos nesse idioma, além de ter contatos e treinamentos com profissionais de outros países”, acrescenta Tonin.

A jornada é de 40 horas semanais, e a média de idade dos trabalhadores já se diferencia bastante dos outros dois cargos mostrados aqui, é uma média de 42 anos.

2- Microfonista

O Microfonista é o assistente do técnico de som responsável pela montagem e desmontagem dos equipamentos e pelo posicionamento dos microfones nos espetáculos, shows, cinema, televisão e podcasts.

Com salário médio de até R$4.473, esse profissional apoia o técnico de som na montagem e desmontagem dos equipamentos e posiciona os microfones de acordo com as características do espaço e artísticas.

Além disso, o microfonista auxilia o técnico em operações mais complexas de posicionamento dos microfones para que o som seja captado da melhor forma.

“Isso significa que não se trata apenas de ligar um equipamento e esperar que tudo aconteça. Para fazer essas tarefas, é essencial obter conhecimentos de acústica, artes e eletrônica…” afirma Tonin.

A jornada de trabalho é de 44 horas semanais e a média de idade dos trabalhadores é de 34 anos, uma média um pouco menor comparando com as outras profissões.

1- Clown ou Palhaço

O salário médio de um palhaço no Brasil é de R$5.747, sim é isso que você ouviu! Mais do que você imaginava né?

Não existe uma “faculdade de clowns”, mas oficinas oferecem cursos e workshops que lidam com o psicológico do interessado, fazendo com que ele tire “a energia” para ser um palhaço.

A área de atuação não é apenas em circo.

Além dos eventos, como festas de aniversário, empresas contratam os serviços de clowns para alegrar ambientes de trabalho ou também fazer atividades desestressantes.

A jornada de trabalho declarada é de 32 horas semanais (apesar de esse número ser relativo), e a idade média dos trabalhadores é de 32 anos, a menor do nosso top 5.

Quem diria em! Ganhar quase 5 mil reais sendo palhaço é uma baita surpresa!

Você sabia disso? Qual profissão você achou que ganhava mais? Deixe aí nos comentários!

Muito obrigado por ter assistido até aqui! Te vejo no próximo vídeo!

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


um + seis =

Seja o primeiro a comentar!